porta batida

(argumento prum samba ao modo de hermínio b.c.)
(mais…)

Anúncios
Published in: on 03/08/2010 at 23:32  Deixe um comentário  

carteado de alter egos, em itacoatiara

Published in: on 06/07/2010 at 20:31  Comments (1)  

urso polar brasiliano

Roquette tinha umas premonições desconcertantes:

No prefácio que escreveu ao livro póstumo do seu colega de Museu, Alberto Betim Paes Leme, História Física da Terra (vista por quem a estudou no Brasil), 1943, p. 9, vaticina:

“A Humanidade há [de] morrer, um dia, como o urso polar de que fala o filósofo inglês, vendo aos poucos ir desaparecendo, na fusão, o bloco de gelo em que vive. Isso mesmo… Quem sabe?”

◊   ◊  

Published in: on 04/01/2010 at 20:30  Deixe um comentário  

da virtualidade da tese, ao acordar

Teses são como sonhos. Se não escritos às pressas no momento em que vislumbramos a sua possibilidade, se esfumaçam, sobra nada. (mais…)

Published in: on 03/04/2009 at 14:43  Deixe um comentário  

cabinet golden spider

Um quebra-cabeças existe antes de imaginado? Não será que as peças apenas chegam a se encaixar (eventualmente com entalhe complementar exato) depois que já prefiguramos um plano do todo e saímos à caça de vestígios e fragmentos que ajudem a corroborar aquela visão antecipatória? (mais…)

Published in: on 12/03/2009 at 14:43  Deixe um comentário  

saal xxxii

Naturhistorisches Museum, Vienna. Sala de aves, especialmente preservada no arranjo original à Oitocento. (mais…)

Published in: on 08/12/2008 at 19:27  Deixe um comentário  

últimos museus vitorianos se vão

Há coisa de uns cinco anos atrás, quando trabalhava no Museu Nacional, e após ler alguns escritos de Stephen Jay Gould sobre museus de história natural em que confessa sua predileção pelo estilo antiquado e abarrotado da era vitoriana, indicando alguns dos seus sobreviventes (Leiden, Dublin), decidi que iria, assim que pudesse, empreender uma viagem com o fito de conhecê-los antes que desaparecessem. (mais…)

Published in: on 11/11/2008 at 15:49  Deixe um comentário  

impermanente

Published in: on 30/12/2005 at 14:39  Comentários desativados em impermanente