Teoria das cores do Danúbio


De:  
Para:  
Assunto:  
Em:  
j
antonioaranha
Re: Do Ouro do Reno ao Danúbio Azul
25/08/2010 15:11

… depois que marquei a passagem de volta da Vanda em Munique, de manhä, ela foi para o aeroporto e eu para Regensburg, que é às margens do Danúbio. Ele me pareceu mais verde do que azul. Talvez a qualidade da agua do rio tenha modificado um tanto desde os tempos de Strauss até os de hoje. A catedral gótica de Säo Pedro é maravilhosa, ela é toda escura, eles colocam …

Antonio,
Talvez ele aí esteja mesmo ainda verde, e siga madurando, dois pra lá dois pra cá, até girar e alcançar Viena. De todo modo, os tons do rio devem variar com a odisséia, não do espaço, mas a das estações. Pois só conheço Danúbios negros, tanto na Viena de dois anos atrás, quanto na Belgrado de trinta. Negro negro como se o monólito de Kubrick liquefeito, paisagem cinza, pequenos aicebergues descendo a corrente como asteróides do acaso, eu só luvas, escafandro, óculos escuros, bafejando vapores em cadência binária, com lábios meio azuis e a alma meio blue, sem conseguir evitar o banzo pelas cores e ritmos dos trópicos.
Jim

Anúncios
Published in: on 25/08/2010 at 15:11  Deixe um comentário  

porta batida

(argumento prum samba ao modo de hermínio b.c.)
(mais…)

Published in: on 03/08/2010 at 23:32  Deixe um comentário